Hugo Boss no Brasil

A marca alemã Hugo Boss chegou ao Brasil em 1988, graças ao ex-piloto de Fórmula 1 e Indy, Emerson Fittipaldi, que era parceiro comercial da grife. Como o país não estava recebendo importações na época, as peças eram fabricadas aqui mesmo, assim como as demais marcas.

Entre 2002 e 2005 a Hugo Boss, teve uma crise turbulenta no país, fechando as portas de suas lojas. Os principais motivos foram: brigas com os donos de suas franquias, erros estratégicos, abrir lojas em cidades de baixo poder aquisitivo, peças produzidas no Brasil por diferentes fornecedores, entre outros.

A partir de 2006 a empresa começou a rever suas estratégias e passou a importar as peças para o país, além de acabar com as franquias. Em 2010 a marca já viu um salto significativo em suas vendas. No segundo trimestres de 2010, por exemplo, a Hugo Boss faturou US$ 8 milhões, o equivalente na época a R$ 14 milhões.

Agora em 2012 o segundo CEO da marca, Claus-Dietrich Lahrs, se mostra confiante com o que vem por aí: “O ano de 2012 começou bem para nós’ e que ‘apesar das incertezas do setor econômico estou confiante que daremos ainda um grande passo em relação as metas de médio-prazo neste ano fiscal de 2012”.

 

Deixar um Comentario:

Publicidade
NOVIDADE !!!
FeedBurner

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Visitas